25 julho 2017

Mil e duas maneiras de jogar GeoRanking! - capítulo 2

publicado: 25/07/2017  atualizado: 25/07/2017
JOGOS E DINÂMICAS - séries

capítulo 2
IDH: Ranking mundial






Basicamente, este 'post' é praticamente uma cópia do capítulo 1. Bem, as regras e o formato são os mesmos, mas a tarefa é que muda.
  
Naturalmente, após uma aula expositiva sobre o que é IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) e quais fatores são levados em conta para a sua definição (expectativa de vida, educação e renda), além, é claro, explicar sua ampla utilidade, seguida de questões e testes, divido a turma em seis grupos com 6 alunos em cada grupo (conforme comentei anteriormente, geralmente minhas turmas têm, em média, 36 alunos). Ah, detalhe... essa divisão pode variar: mais grupos pode tornar a dinâmica extremamente interessante mas, com certeza, consumirá mais tempo.

Para esta dinâmica, também vou precisar de todos os cinco módulos do GeoRanking, América, Europa, Ásia, África e Oceania. Após embaralhar bem todas as 260, distribuo-as entre os grupos (em média, 43 cartas para cada grupo). O ideal é que cada grupo receba cartas de países e territórios de todos os continentes. 
 
O quadro mostra detalhadamente a composição de cartas de cada módulo, bem como o total geral.

Em seguida, escrevo a tarefa na lousa:

a) cada grupo deverá identificar e separar as cartas de seis países que apresentarem os maiores valores de IDH (em cada carta, esse valor está expresso em um índice de três casas decimais - vide modelo de carta).

b) um integrante de cada grupo deverá escrever, na lousa, o nome de cada país e o seu respectivo IDH.


Depois que todos os grupos registrarem suas informações, aviso: caso algum deles tenha cartas de países com valores de IDH maiores do que os escritos na lousa, que façam as devidas substituições.



Finalmente, anotadas e corrigidas todas as informações, é hora de colocar tudo na ordem de classificação, ou seja, do 1º ao 36º. Para isso, solicito aos alunos que elaborem essa tabela, cada um em seu caderno.

 
Obviamente, ainda não terminei! Distribuo a cada aluno um mapa-mundí e peço que pinte (ou numere) os países da tabela montada e faça a devida legenda.

É uma boa dica, concorda? Bem, pode-se fazer várias alterações ou complementos, de acordo com o tamanho da turma e da disponibilidade de tempo. Experimente esta também! Crie a sua!


Até a próxima, com GeoRanking!



Ôpa... em tempo:
Se quiser conferir cada módulo do jogo, é só clicar nos links a seguir:

24 julho 2017

Mil e duas maneiras de jogar GeoRanking! - capítulo 1

publicado: 24/07/2017  atualizado: 25/07/2017
JOGOS E DINÂMICAS - séries

GeoRanking é um apoio didático importante e fundamental das minhas estratégias didáticas quando o programa de ensino pede aulas com geopolítica, economia, países do mundo, PIB, IDH e por aí vai!






















Em vários 'posts' anteriores, apresentei os cinco módulos do jogo, abrangendo desde a sua estrutura de montagem até como, de fato, 'jogar', ou seja, aplicá-lo como apoio didático junto aos alunos.

Se quiser, poderá revê-los 👀. É só clicar nos links a seguir:


Certamente existem várias formas e maneiras de aplicar/jogar GeoRanking na sala de aula.

Por isso, estou iniciando uma série de 'posts' intitulada "Mil e duas maneiras de jogar GeoRanking!" 

Então... vamos lá!

capítulo 1
PIB: Ranking mundial

Após uma aula expositiva sobre o que é PIB (Produto Interno Bruto) e para que ele serve, seguida de questões e testes, divido a turma em seis grupos com 6 alunos em cada grupo (geralmente minhas turmas têm, em média, 36 alunos).

Daí, pego todos os cinco módulos do GeoRanking, América, Europa, Ásia, África e Oceania, embaralho e distribuo as 260 cartas entre os grupos (em média, 43 cartas para cada grupo). O ideal é que cada grupo receba cartas de todos os continentes. 

O quadro ao lado mostra detalhadamente a composição de cartas de cada módulo, bem como o total geral.

Em seguida, escrevo a tarefa na lousa:

a) Cada grupo deverá identificar e separar as cartas de seis países que apresentarem os maiores valores do PIB (em cada carta, esses valores estão expressos em US$).

b) Um integrante de cada grupo deverá escrever, na lousa, o nome de cada país e o seu respectivo PIB.




























Depois que todos os grupos registrarem suas informações, aviso: caso algum deles tenha cartas de países com valores do PIB maiores do que os escritos na lousa, que façam as devidas substituições.

Finalmente, anotadas e corrigidas todas as informações, é hora de colocar tudo na ordem de classificação, ou seja, do 1º ao 36º. Para isso, solicito aos alunos que elaborem essa tabela, cada um em seu caderno.

Ainda não terminou! Distribuo a cada aluno um mapa-mundí e peço que pinte (ou numere) os países da tabela montada e faça a devida legenda.



É uma boa dica, concorda? Bem, pode-se fazer várias alterações ou complementos, de acordo com o tamanho da turma e da disponibilidade de tempo. Experimente!

Até a próxima!







18 julho 2017

geoBlogs!: Linguagem Geográfica









LINGUAGEM GEOGRÁFICA é um blog que não possui fins lucrativos. Seus objetivos são valorizar e difundir o conhecimento geográfico, incentivar o uso inteligente da Internet e valorizar a Educação. Criado e mantido pelos professores Luiz Fernando Wisniewski e Lawrence Mayer Malanski.

Em resumo, é sensacional! Sou fã e leitor assíduo! Mais do que recomendo!


11 julho 2017

Dinâmicas: Laranjas 'Ugli'

publicado: 11/07/2017  atualizado: 11/07/2017
JOGOS E DINÂMICAS

Parâmetros, aplicação, regras e fotos das disputas!


“Laranjas Ugli” é uma dinâmica tradicional para simulação de um ambiente de negócios. Em minhas pesquisas pela internet, descobri registros dela em blogs e sites, bem como diferentes formas de aplicação. Assim, decidi fazer um, digamos, “apanhado” geral e desenvolver uma adaptação dessa dinâmica para aplicá-la em minhas aulas, de acordo com cada turma e curso, que passei a chamar de “Laranjas Ugli – versão Master”.

Antes de mais nada, [...Ugli é uma fruta híbrida do grupo dos cítricos. Acredita-se que é um híbrido entre a toranja e a tangerina, ainda que outras fontes apontam que é um híbrido entre a tangerina e o pomelo. Essa fruta é originária da Jamaica, e a cidade onde primeiro se produziu é Brown's Town em 1924. Trata-se de uma fruta sazonal, que produz de Dezembro até Abril...] (Fonte: Wikipédia)
 
Os objetivos da dinâmica são:
a) Aplicar técnicas de negociação numa situação de monopólio.
b) Observar se os participantes têm facilidade de negociação, se surgem líderes, se possuem espírito de competitividade, o que fazem para vencer a disputa.
c) Verificar quais foram as técnicas de negociação utilizadas, sem ganhadores ou perdedores, já que o objetivo é uma negociação “ganha-ganha”.

Material:
- Folhas dos produtores e dos compradores

Desenvolvimento da dinâmica:
1º) Dividir a classe em equipes;
2º) Sortear quais equipes assumirão os papeis de ‘produtores’ e ‘compradores’.

Regras
As equipes deverão negociar da forma que desejarem de modo a 1) atingir o maior lucro para os produtores, que são monopolistas e 2) conseguir, os compradores, gastarem menos do que o orçamento previsto. Cada comprador deve argumentar porque o produtor deve vender para ele e negociar o melhor preço possível. Todos possuem restrições de custos e bons motivos para argumentar a compra.
As equipes não podem conhecer o orçamento nem os objetivos uns dos outros.

Descrição das folhas de produtores e compradores:




Análise:
- Como foi realizar a atividade?
- Como as equipes avaliam a negociação e a decisão final?
- Que estratégias as equipes planejaram para convencer os produtores de laranja? Auxiliaram no processo de negociação?
- Quais as dificuldades que surgiram durante a negociação? Como foram contornadas?
- De que forma as equipes relacionam esta atividade com o que acontece no dia a dia do ambiente de trabalho?

No quadro abaixo, o resultado potencial esperado:



É isso! Quaisquer dúvidas, é só entrar em contato!

photodinâmica:



10 julho 2017

photodinâmica

010.
Dinâmica em grupo utilizando o jogo Banco Imobiliário. Nas fotos, turmas dos cursos técnicos da ETEC, das áreas de Transações Imobiliárias, Contabilidade e Informática para Internet. Para cada disciplina, o jogo é adaptado para desenvolver habilidades e competências. (2016-2017)


 
 
 

07 julho 2017

jogos didáticos: GeoBingo Brasil - 1ª edição

publicado: 07/07/2017  atualizado: 18/03/2018

jogos didáticos

Depois dos jogos de Dominó e dos 'tipo' Supertrunfo, passando pelos 'quebraminós', nós entramos definitivamente na série dos jogos estilo 'bingo'. Existe uma grande variedade de regras de bingo, com diferentes padrões de sorteio, marcação e possibilidades de vitória. 
O nosso bingo, ou melhor, GeoBingo, é um jogo didático, voltado exclusivamente para o aprendizado e fixação de conhecimento sobre Geografia. Assim, desenvolvi este primeiro lançamento abrangendo Estados e Capitais do Brasil.


Material

O jogo é composto por 50 cartelas contendo, cada uma, 12 mapas aleatórios de Estados do Brasil. Algumas, com o nome do respectivo Estado, outras, com a localização e o nome da Capital. Além disso, apresenta também 50 fichas com perguntas direcionadas ao tema, Estados e Capitais do Brasil (veja, no final deste 'post', a relação de todas as perguntas).

Regras

As regras para se jogar o GeoBingo são muito simples:
  • Cada estudante pode usar 1 ou 2 cartelas com 12 mapas aleatórios em cada uma.
  • A cada rodada uma pergunta é sorteada (ou escolhida pelo professor) e o aluno verifica se a resposta está na sua cartela. Por exemplo: Se a pergunta sorteada for "AP é a sigla de qual Estado?", o estudante deverá verificar em sua cartela se consta o mapa do Amapá. Em caso afirmativo, deverá fazer uma marcação nesse mapa.
  • O aluno completa sua(s) cartela(s) marcando as repostas às perguntas sorteadas.
  • O objetivo é completar linhas, colunas, diagonais, ou a cartela toda, de acordo com o objetivo traçado pelo professor.

O jogo






















Seguindo as regras, o aluno deverá gritar "Bingo" assim que completar  linhas, colunas, diagonais, ou a cartela toda. A cartela será declarada inválida caso exista informações falsas ou incorretas.
O jogo poderá continuar até que todos tenham preenchido suas cartelas conforme a forma designada pelo professor.
Bem, há várias maneiras de jogar. Crie a sua! Experimente!
É isso!



Ah, e tem mais uma novidade:

Caixinha para guardar o jogo:








 Quer saber mais sobre o GeoBingo Brasil - 1ª edição? Clique nas figuras abaixo para conhecer...

photodinâmica

009.
Porto de Papel - maquete de um porto elaborada e construída como trabalho de conclusão da disciplina de "Equipamentos Portuários" do curso "Logística em Tempos de Sustentabilidade", uma parceria da Libra Terminais com a Unisantos (2015)


06 julho 2017

Dinâmicas: quebraminó "Placas Tectônicas"

Mais um 'quebraminó'.


Placas Tectônicas!

ideia aqui é familiarizar o aluno com placas tectônicas do planeta e habilitá-lo a correta identificação e construção do 'mapa-múndi', utilizando-se a complexidade de um quebra-cabeças, onde o raciocínio é bem mais importante que a agilidade e a força física, porém obedecendo às regras básicas de um jogo de dominó.

Estamos distribuindo gratuitamente este jogo: para baixá-lo, basta acessar o nosso grupo no Facebook: